FacebookRSS Feed

Projetos

Requalificação da Estrada do Retiro

Publicado em 26-07-2008

“Chegou a hora de investir no interior”. Foi esta a ideia principal que Paulo Campos, Secretário de Estado Adjunto das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, salientou no passado sábado, dia 26 de Julho, na cerimónia de lançamento do concurso público para a obra de beneficiação da Estrada Nacional (EN) 371 e da Estrada Regional (ER) 371 entre Arronches, Campo Maior e Retiro (junto à fronteira).

Continuar...


Convénio e Estatutos da “Euro-Região ExtremAlentejo” assinado em Campo Maior

Publicado em 03-07-2008
Assinatura de Convénio e Estatutos

A Euro-Região ExtremAlentejo é cada vez mais uma realidade alcançada pelas Câmaras Municipais dos Concelhos Fronteiriços do Alto Alentejo e Extremadura. Com a assinatura do Convénio e Estatutos deste projecto do Programa de Cooperação Transfronteiriça (PCT) criou-se a estrutura jurídica necessária para encetar projectos comuns às povoações assinantes.

Nesta reunião estiveram presentes e assinaram os Presidentes ou representantes legais das Câmaras Municipais de Albuquerque, Arronches, Badajoz, Campo Maior, Elvas, La Codosera, Olivenza e Portalegre, faltando apenas o Presidente da Câmara Municipal de Estremoz que, no entanto, comunicou aos demais que subscreveria e assinaria o contrato posteriormente à reunião.

Este acordo, que surge como continuação da Declaração de Olivenza subscrita no passado dia 17 de Março, representa o intensificar dos laços de união entre os municípios que o compõem. Desta ligação esperam-se melhorias e desenvolvimentos, fundamentalmente nas áreas do turismo, património e cultura, empresas e inovação, comércio, cidadania, educação e desporto, emprego, transportes e logística, serviços sociais, ordenamento do território e meio ambiente, de modo a reforçar a coesão económica e social.

Segundo o Presidente da Câmara Municipal de Campo Maior, João Manuel Burrica, “este acordo tem como denominador comum a vontade de criar uma coesão territorial transfronteiriça que nos permita, neste período de 2007/2013, obter fundos comunitários para projectos comuns, e no futuro, continuar a beneficiar desta associação de municípios”.

O autarca considera que este acordo representa uma porta de futuro para a criação de mais sustentabilidade, oportunidades e qualidade de vida nesta região, nomeadamente no Alto Alentejo e Extremadura. Aponta, no entanto, que “este é um dia de festa mas também de intensa responsabilidade”. Já Germán López Iglesias, Concelheiro de Cooperação Transfronteiriça e representante legal do Ayuntamiento de Badajoz, entende que “esta é uma colaboração muito importante e irreversível”. Sublinha ainda que este acordo, embora que formalizado inicialmente por nove concelhos, tem potencial para, de futuro, ver aumentada a sua constituição.

Nesta reunião ficou aprovado o Convénio e os Estatutos do Agrupamento de Cooperação Territorial “Euro-Área ExtremAlentejo”, definiram-se o Ministério das Administraçõpes Públicas em Espanha e o Instituto Financeiro para o Desenvolvimento Regional em Portugal como as autoridades competentes que devem dar a autorização para que este acordo seja juridicamente conforme, e acordou-se uma próxima reunião para as 12 horas do dia 17 de Julho, em Arronches.

Inauguração da renovada Ermida de S. Pedro

Publicado em 03-07-2008

Os termómetros ameaçavam chegar aos 40 graus, quando no dia 29 de Junho, às 17 horas, o Cónego Donaciano Marques Afonso deu início à bênção da renovada Ermida de S. Pedro.

Perante a reunião de várias dezenas de campomaiorenses que queriam fazer parte da celebração desta bênção e inauguração, e alguns curiosos com o resultado das obras num local, que há não muito tempo era considerado como abandonado e mesmo perdido para sempre, o cónego deu início à missa campal, no espaço exterior da ermida.

O sol forte e o ar seco não demoveram os presentes que permaneceram até perto das 18.30 horas embalados pelas palavras do cónego, na celebração da santa missa.

No final da homilia, o Cónego Donaciano Afonso deu excepcionalmente a palavra ao Presidente da Câmara Municipal de Campo Maior, João Manuel Burrica, que teve assim oportunidade de engrandecer o património campomaiorense, as relações que a autarquia mantém com as outras instituições da vila, neste caso a igreja católica, e o empenho dos trabalhadores do município.


“Esta obra serviu para requalificar e dar nova vida a este espaço tão bonito, que irá certamente dignificar todos os campomaiorenses”, apontou o autarca. João Manuel Burrica sublinhou ainda que “a Câmara Municipal continua nesta senda de trabalho sério, para os campomaiorenses e para tornar a nossa terra mais bonita”.

O presidente mostrou-se mais uma vez empenhado em defender o trabalho realizado pelos operários da autarquia, afirmando que estes “são pessoas extremamente válidas e empenhadas em fazer coisas bonitas para todos os campomaiorenses”, deixando também uma palavra de apreço para Carlos Saldanha, Chefe da Divisão Administrativa e Financeira da Câmara Municipal, e para o engenheiro Galveias, que conjuntamente com o responsável pela secção do pessoal, Manuel Gonçalves, “tornaram possível este magnífico espaço que todos nós agora podemos desfrutar”.

João Burrica apelou ainda ao civismo da população, de modo a que o “continuem a desfrutar e preservar a Ermida de S. Pedro com respeito e responsabilidade, para que todos nós a possamos visitar diariamente e dizer que valeu a pena construir este magnífico espaço.”

A Ermida de S. Pedro encontra-se agora aberta ao público aos fins-de-semana, das 10 às 12 horas e das 18 às 20 horas, sendo que o espaço exterior ao templo abre todos os dias às mesmas horas.

Jardim Municipal Renovado

Publicado em 17-06-2008
A Câmara Municipal de Campo Maior inaugurou esta sexta-feira, dia 13 de Junho, a renovada zona do lago, do Jardim Municipal. Os Campomaiorenses responderam às centenas ao convite feito pelo presidente João Manuel Burrica para partilharem esta cerimónia simbólica, que teve início por volta das 21h30m.

O evento começou com a actuação das alunas do grupo de dança contemporânea da Câmara Municipal, dirigidas pela professora Maria Lama, num espectáculo de energia e vigor onde foram aproveitados os elementos paisagísticos do jardim, nomeadamente o lago e as zonas circundantes.

Na sua intervenção, o Presidente João Burrica destacou a importância dos trabalhadores da Câmara Municipal, que a seu ver “são muitas vezes subvalorizados e considerados com adjectivos menos próprios” e sublinhou que esta obra “é a constatação do trabalho de embelezamento da nossa terra, deste jardim e das outras zonas verdes, feito pelos nossos trabalhadores”. O autarca apelou também para que “todos saibam desfrutar do jardim com respeito, com zelo e com a dedicação que ele nos merece”, anotando que “os investimentos públicos são para todos nós usufruirmos mas também respeitarmos”. A cerimónia terminou com a libertação de dois casais de cisnes no lago e com a actuação da cantora Olinda Moriano que interpretou alguns temas de cantores conhecidos.

As obras de remodelação vão continuar, de forma gradual, noutras áreas do jardim municipal, de modo a não impossibilitar que a população possa usufruir deste espaço nobre.

A Câmara Municipal prossegue assim no seu objectivo de construir um jardim mais bonito, mais próximo das pessoas e capaz de dar uma imagem de Campo Maior moderna e de futuro.

Desenvolvimento Sustentável

Publicado em 09-06-2008

Presidente da Câmara MunicipalO presidente da Câmara de Campo Maior, João Manuel Burrica, durante a inauguração da Estação de Transferência, Triagem e Tratamento de Resíduos de Construção e Demolição no passado dia 6 de Julho afirmou que este é mais um passo importante para o aumento da qualidade ambiental do concelho, uma preocupação constante deste executivo nos últimos anos.

Barragem do AbrilongoO autarca referiu ainda que, a este nível, Campo Maior se encontra “integrado a 100% na Rede Natura 2000, facto que muito nos orgulha e que demonstra a riqueza ambiental do concelho”. No entanto sublinhou que este “não pode ser um constrangimento ou entrave para o nosso desenvolvimento” e lembrou ainda que foram também questões de ordem ambiental que travaram a implementação do sistema de rega do Abrilongo, um investimento muito importante para a agricultura do concelho cujo primeiro passo foi dado com a construção da respectiva barragem. A Câmara Municipal continua a desenvolver todos os esforços para que este projecto seja concluído e possa, finalmente, contribuir para a modernização da agricultura local.

Pese embora reconheça a importância das questões ambientais, João Manuel Burrica garante que a Autarquia irá pautar as suas decisões de acordo com o que é melhor para o Concelho de Campo Maior, isso sim, tendo sempre em vista o desenvolvimento sustentável da nossa comunidade.


Siga-nos

FacebookRSS Feed

Contactos

Praça da República,
Apartado 55
7370-999 Campo Maior
Telefone: +351- 268 680 300
Fax: +351- 268 688 937
Contacto Via Email

© 2012 Município de Campo Maior | Todos os Direitos Reservados